O Destino que Escreveu - Amor e Saudade

O Destino que Escreveu

Escrito por Desconhecido | 3686
O Destino que Escreveu

Se você me encontrar pelas ruas
Não precisa mudar de calçada
Pense logo que somos estranhos
E que nunca entre nós houve nada

Não precisa baixar a cabeça
Pra não ver os meus olhos nos seus
Passarei por você sem rancor sem lembrar
Que entre nós houve adeus

Nossos sonhos são tão diferentes
Que o remédio é mesmo deixar
Que esse amor se desfaça com o tempo
Sem que seja preciso chorar

Entre nós não há culpa nem mágoa
O destino assim escreveu
Poderemos achar noutros braços
Este amor que entre nós não viveu

Comentários