Novela - Marina! Capitulo 12 - Amor e Saudade

Novela - Marina! Capitulo 12

Escrito por Diana Polizzo | 1063
Novela - Marina! Capitulo 12

CAPÍTULO 12

O técnico em informática chegava todos os dias, depois das 10h. Naquele dia, ele faria uma manutenção nos computadores da sala ao lado. Saí da sala, com uma desculpa qualquer. Disse a secretária da sala vizinha que minha linha telefônica estava sendo usada por outra pessoa, e que precisava fazer uma ligação telefônica com urgência. Ela foi muito gentil, e deixou que eu usasse o telefone de sua mesa. Fiquei receosa em lhe contar mentiras, mas sabia que era por uma boa causa (ou uma má causa).
O técnico, marombado e tatuado, não se importou com a minha presença. Com um fone de ouvido, parecia entretido em suas músicas. Tive que cutucá-lo para que ele olhasse pra mim. Ele me olhou assustado:
- Oi? Posso te perguntar uma coisa...
Ele me olhou desconfiado. Não me deu um sinal positivo, nem negativo:
- Como posso enviar vídeos para outra webcam sem que percebam que não são meus?
Ele me olhou mais desconfiado ainda.
- Pra que...?
Senti em seu olhar o cooperativismo masculino.
- É.. porque.... – Fiquei confusa. Não sabia o que diria à ele. Pensei na cara que faria se eu dissesse que, fingia ser uma loira na internet pra enganar um cara.
- Tem que ter um programa pra isso... – disse, desinteressado.
- Que programa?
O técnico voltou sua atenção ao conserto no PC. Senti que estava atrapalhando o seu ritual.
- HN Cam... – disse, em voz baixa.
- Quê?
- HN Cam... – aumentou o tom de voz!
- Como se escreve? -
- Me dá em pedaço de papel aí...
Peguei um pedaço de papel qualquer na mesa da secretária. Ele escreveu o nome do tal programa.
- Esse aí!
Olhei para o pedaço de papel. O homem tinha uma letra bem bonita.
- E onde eu consigo esse programa.
- Na internet...
Tá... Tá ok... Obrigada...
Saí da sala, sem graça. Ouvi a sua voz me chamando.
- Colega!
Virei para traz.
- Vê lá o que você vai fazer com isso aí...

Comentários